Início Devocionais O jejum de Acabe, jejum da iniquidade

O jejum de Acabe, jejum da iniquidade

804
0
COMPARTILHAR

I REIS 21: 9 As cartas diziam: “Anunciem um dia de jejum, tragam Nabot diante do povo 10 e arranjem duas testemunhas falsas para o acusarem, na sua presença, e façam-nas declarar que ele amaldiçoou Deus e o rei . Depois levem-no para fora da cidade e apedrejem-no até morrer.”

11 Os concidadãos de Nabot, os anciãos e os magistrados locais fizeram como Jezabel lhes tinha ordenado nas cartas que lhes enviou. 12 Promulgaram um dia de jejum e puseram Nabot diante do povo; 13 apareceram então as duas falsas testemunhas que, na presença de Nabot e diante do povo, depuseram contra ele, dizendo que Nabot tinha amaldiçoado Deus e o rei. Levaram-no imediatamente para fora da cidade, onde o apedrejaram até morrer.

Nesta passagem lemos que Jezabel, esposa do rei Acabe, de Israel, na tentativa de vingar seu marido, orquestrou o assassinato de um homem inocente, que queria conservar os valores e a dignidade de seus pais. Nabote foi assassinato pelo povo, pelos anciãos e nobres de Israel, através de apedrejamento, sob a desculpa de terem feito isso a mando do rei.

O interessante é que, para isso, eles proclamaram um jejum para matá-lo. O jejum, que é uma ferramente de consagração a Deus, foi utilizada para realizar o mal.

Logo, existe o jejum que agrada a Deus, mas também existe o jejum da iniquidade, que os anciãos de Israel proclamaram para destruir a vida de Nabote, a mando de Acabe.

Isso acontece nas igrejas. Pessoas se “santificando” para fazer o mal às outras. Pessoas que sob uma capa de moralismo, de “obediência” à Palavra e de santidade, se põe a perseguir e destruir a vida de quem não gostam, dos fracos na fé e daqueles que vêm a vacilar por algum motivo na caminhada cristã.

Pessoas com inveja do ministério e da prosperidade ministerial que Deus deu a outras e, ou pretendem roubar, ou simplesmente destruir esse ministério.

Cuidado com esse tipo de jejum e não se aproxime das pessoas que fazem isso, pois o fim delas será o mesmo fim que Deus deu a Jezabel (I Reis 21.23).

Prof. Lucas Gesta

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here